Aquela tarde

O coração aperta
Grãos de areia varridos para fora
A varanda está deserta
A cadeira balança sozinha.

 

A saudade vira rotina
mas a paz chega junto,
e o conforto
é como o Sol da manhã,
a gente sabe que sempre vem.

 

Tem dias, noites,
frio e calor.
Nada importa.
O amor resta,
maior do que nunca.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s