Amanhã ontem

 
Pára aos poucos
         Com o estouro de luz na esquina do olho
         o som do mar da piscina que é nossa,
       (não) é necessário um piano para amar.

O sol e o calor da manhã –
  e os pedais da bicicleta e nada mais.
    Um abscesso de tédio benigno multiplica as sensações
      do domingo perdido em outro momento semelhante.

                    Não há nada ruim em ficar muito bêbado –
                    e nadar num rio de águas verdes ou cinzas.

                    Um pouco de carinho na cabeça
                    do meu incêndio de estimação.
                                       estima-se 1 em 7 bilhões
                                       sou eu.
                                       estima-se alguns, poucos.

Viva o sei lá.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s