Ação

 
Hoje caminhei durante o pôr do sol, areia branca e fina.
Vi cores respirando cheiros, mas
eram as palavras que me gritavam.

Sons de uma potência absoluta, que
não eram ensurdecedores, mas fortes,
acalmavam-me a alma.

Foi-se o sol.
Que talvez volte amanhã.
Meus passos, foram lavados, mas
tenho certeza das terras por onde andei.

Algumas esqueci, outras
recorro sempre que feliz
e todas também passaram por mim
com Tempo ou pelo Vento.
 
 
Passar é sempre um movimento. Deslocação.
Modificação produzida pela própria substância.
 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s