Internet e Sentido

 

  Ele teve uma idéia para salvar o mundo. Era genial. E simples. Era genial e simples. Era a melhor idéia que já tivera em toda sua vida. Aquilo fazia muito sentido. Seria a salvação, certamente.
  Entrou no google, e escreveu sua idéia. Buscou. Pôs aspas, tirou aspas, trocou palavras por sinônimos. Nada. Ninguém havia escrito nada como aquela simples idéia em toda a internet!
  Foi quando ele concluiu que aquilo só deveria fazer sentido aparente. Aliás, nem isso: não estava na internet, não devia fazer sentido nenhum.
  Ele desistiu da idéia e foi fazer outra coisa. Permaneceu um pronome pessoal reto, nunca obteve uma página no Wikipédia.

  

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s